Design Thinking

20, nov, 2019 | Marketing Digital

Em seu processo criativo, o design thinking incentiva as pessoas envolvidas a desenvolver empatia uns pelos outros, compreendendo e respeitando seus pontos de vista e ideias.

Além disso, é uma forma de gerar mais integração entre as pessoas em sua empresa.

Atualmente, existem diversas abordagens para tornar sua equipe focada e encontrar soluções para os diferentes problemas de uma empresa.

Dentre elas, vale a pena saber o que é design thinking e como essa abordagem pode criar mais engajamento e promover o uso da criatividade a favor da produtividade em sua empresa.

No post a seguir, saiba como esse conceito surgiu e suas vantagens. Veja também o passo a passo para aplicá-lo. Boa leitura!

O que é design thinking e como surgiu?

Provavelmente, você já ouviu muito sobre o conceito, mas você sabe o que é design thinking e como surgiu?

Basicamente, ele é um modelo de pensamento que tem por objetivo solucionar problemas, mas de forma criativa.

Ou seja, parecido com a forma de pensar de um designer, que precisa ver tudo por diferentes ângulos a fim de encontrar sua solução criativa, esse modelo visa explorar diversos pontos de vista a fim de que as melhores ideias possam ser encontradas para resolver uma questão.

Nesse processo, não só um público consumidor, mas também a própria equipe e os erros já cometidos são importantes para que as soluções sejam encontradas de forma rápida e objetiva.

Mas de onde veio esse tipo de pensamento?

Basicamente, ele foi desenvolvido por diversas pessoas ao longo do tempo. Na década de 1970, as primeiras ideias surgiram com Robert H. McKim, no livro “Experiences in Visual Thinking”.

Na década seguinte, Rolf Faste, professor da Universidade Stanford desenvolveu ainda mais a ideia.

Já nos anos 1990, David Kelley, da empresa de design IDEO acrescentou suas contribuições.

Com isso, o design thinking se popularizou na década de 2000, sendo hoje uma abordagem amplamente utilizada por várias empresas, mesmo as que não são de design ou mercados criativos.

Objetivos e pilares

O design thinking tem por objetivo a inovação.

Ou seja, não só resolver problemas, como também evoluir.

Por exemplo, solucionar as necessidades dos consumidores, mas fazer isso da melhor forma possível, indo além do esperado e propondo resultados melhores e inovadores.

Por isso, o design thinking é geralmente relacionado com tecnologia.

Além disso, existem três pilares principais que guiam a formação desse pensamento criativo e sustentam sua aplicação em qualquer lugar.

  • Imersão: o problema identificado é conhecido de forma completa e as pessoas são imersas nessa realidade a ser solucionada.
  • Ideação: a equipe produz ideias, que podem ser desmembradas e gerar novas soluções.
  • Prototipação: as melhores ideias tomam forma para serem visualizadas e testadas, com o objetivo de se encontrar uma ou mais soluções finais.

Quais são as vantagens do design thinking?

Agora que você sabe o que é design thinking, descubra as vantagens de aplicá-lo em sua empresa, a fim de encontrar os melhores resultados.

Custo-benefício

O custo-benefício de aplicar design thinking é extremamente positivo para uma empresa.

Afinal, ele pode ser feito em parceria com os próprios colaboradores ou consultorias especializadas, que ajudem a sua empresa a chegar em soluções reais e práticas, que otimizam tempo e recursos financeiros, evitando que sejam aplicados em ideias mal elaboradas e pouco exploradas.

Inovação

Sendo um de seus principais objetivos, quanto mais uma empresa opta pelo design thinking, mais fácil será para criar soluções inovadoras.

Com isso, é possível sempre ter algo novo para o consumidor, o que a ajuda a se diferenciar dos concorrentes.

Empatia e integração

Em seu processo criativo, o design thinking incentiva as pessoas envolvidas a desenvolver empatia uns pelos outros, compreendendo e respeitando seus pontos de vista e ideias.

Além disso, é uma forma de gerar mais integração entre as pessoas em sua empresa.

Valorização

Participando de forma ativa no desenvolvimento de ideias, colaboradores de diferentes áreas de sua empresa podem se sentir ouvidos.

Com isso, também ocorre uma valorização do trabalho e maior engajamento, o que afeta diretamente a produtividade.

Como aplicar design thinking em uma empresa?

Apesar de ser possível definir o que é design thinking, não existe uma fórmula para sua aplicação.

Ou seja, é possível testar diferentes formatos e ferramentas para ajudar a implementar o passo a passo desse processo. Veja a seguir como ele acontece.

Conhecer o seu problema

Seguindo os pilares do design thinking, a primeira etapa envolve o conhecimento do problema por meio de uma grande imersão. Nesse momento, é definido o problema central e, depois, aplica-se diferentes meios para que ele seja compreendido em sua totalidade.

Por exemplo, se uma empresa detecta que determinado produto não vendeu bem, ela analisa seus dados de vendas, mas também envolve os colaboradores a entender o que os concorrentes faziam na época, qual era o ponto de vista do cliente no momento, o cenário econômico, o que as pessoas acharam do artigo, etc.

Para isso, é possível usar entrevistas, pesquisas, landing pages, consultoria especializada, entre outros.

Ter ideias

Com o que se tem claramente definido, chega a hora de analisar o material e, a partir disso, orientar ideias.

No exemplo, sua equipe criará uma lista dos possíveis fatores que levaram ao problema das vendas e, a partir de cada um, terá ideias sobre como podem ser solucionados.

Nesse momento, ocorrem brainstormings e construções de mapas mentais, uso de ferramentas visuais para melhor compreensão, criação de storyboard e reuniões com especialistas e pessoas que possam ajudar a encontrar uma solução.

Testar soluções

Depois que as melhores ideias foram discutidas e aprovadas, surge a fase de prototipação para que elas sejam organizadas, estruturadas, bem visualizadas e compreendidas e, por fim, testadas.

No exemplo de vendas, se um produto não vendeu porque sua campanha foi fraca, é hora de implementar novas soluções de marketing e até fazer testes para saber como resolver o problema.

Por exemplo, seria possível testar ideias como uma campanha iniciada por um influenciador, pagamento de anúncios nas redes sociais e uma promoção com vídeo e brindes.

Melhorar continuamente

Depois que uma solução no design thinking foi encontrada e aplicada, obtendo sucesso, o processo continua.

Ou seja, é hora de acompanhá-la e definir suas melhorias a longo prazo.

Com isso, é possível garantir a inovação procurada.

Saber o que é design thinking é o primeiro passo para implantar uma nova forma de pensamento em sua empresa, que leve a soluções criativas e melhoria contínua.

Para isso, além de aplicar ferramentas e processos que cumpram os pilares dessa abordagem, também é importante contar com empresas que possam ajudar você a ter ideias e colocá-las em prática.

O que é SEO? [2022]

Você sabe como funciona o SEO? Entenda o que é SEO - Search Engine Optimization (Otimização para motores de busca) Como o SEO funciona? Descubra para que serve a estratégia de SEO Conheça algumas estratégias para alcançar o topo do Google [2022] Confira os principais erros de quem está iniciando no SEO As estratégias de SEO servem para fazer...

Leia mais

UX e UI: design e performance [2022]

Se o site não guiar o usuário corretamente pela interface, é improvável que ele tome a ação correta e, desse modo, o objetivo de venda não será alcançado. Sabe quando você entra em um site confuso e não encontra nada do que precisa? Esse é um exemplo clássico de UX e UI mal feito, que pode custar muito caro para a empresa, já que a primeira...

Leia mais

Melhor design de website [2022]

Uma coisa importante para entender no design de website é que assim como as estratégias de marketing digital, ele se atualiza conforme a mudanças no perfil e comportamento do cliente. Se há poucas décadas evitar a rolagem nas páginas era interessante para dar mais dinamismos para a experiência no desktop, atualmente os cliques podem ser um...

Leia mais

Estrutura de um website [2022]

Estrutura de um website – O que é? Qual a importância da estrutura de um website? Como desenvolver a estrutura de um site? Quais são os tipos de estrutura de um site? Como escolher a melhor estrutura de um site? Estrutura de um website: Quais conteúdos você considera mais importantes e que precisam ser destacados no site? Quais outros são...

Leia mais

Web design [2022]

Se os potenciais clientes usam mais o celular do que o computador na hora de navegar nos sites, por exemplo, o ideal é investir em responsividade e otimização no carregamento de imagens e vídeos. Se a sua empresa deseja construir uma sólida presença na internet, ter um website é essencial. No entanto, tão importante quanto ter uma página...

Leia mais